19 outubro 2015

SEMANA TEMÁTICA: Camisetas (ou T-shirts)

Essa semana começo um novo quadro aqui do blog inspirado em outras blogueiras, a semana temática! Acho muito legal ver várias sugestões com a mesma peça ou com o mesmo tipo de peça, pois nos ajuda a aproveitar melhor nossas roupas.

E esse quadro começa com looks com CAMISETA. De terça a domingo vocês vão ver 1 look por dia com camisetas diferentes e como você pode aproveitar essa peça tão útil no guarda roupa feminino e masculino! Não há nada mais confortável ou fácil de usar do que camiseta, não é mesmo?!
Confesso que até pouco tempo eu tinha dificuldade de usar essa peça. Achava que ela combinava mais com looks esportivos e me lembrava as babylooks do colégio e da faculdade, mas existem diversos modelos e mudando o restante do visual você consegue usa-la de dia, de noite, no trabalho, no lazer, etc.


Tipos de Gola
Os tipos mais comuns de gola para camisetas são a gola V, redonda e canoa.

A gola V possuí um decote mais profundo, é ótima para quem está acima do peso ou tem muito busto, pois ajuda a alongar a área do colo. Só tome cuidado com a profundidade do decote, tem que ser de leve.

A gola redonda é a mais comum, pode ser bem justinha ao pescoço ou mais soltinha, eu prefiro as mais soltinhas. A gola canoa é uma variação da redonda, mas mostra mais o colo e os ombros, também tem que tomar cuidado para não mostrar demais e também para não aparecer a alça do sutiã.


Tipos de tecido

A maioria das camisetas são de algodão, o que é ótimo para não dar mau cheiro (ver sobre tipos de tecido AQUI), mas você pode escolher de outros tecidos também. O segredo é escolher as mais soltinhas e compridas que você pode colocar por dentro de saias e calças deixando o look mais arrumadinho. A camiseta não deve ficar nem colada demais e nem grande demais, o segredo é sempre experimentar, mesmo que camiseta pareça tudo igual, de uma loja para outra as modelagens mudam.


História da camiseta
Fiquei curiosa para saber como a camiseta começou a ser popularmente usada e fui pesquisar. Ela não surgiu como outras peças de moda, seu objetivo inicial era simplesmente não aparecer, era usada como roupa de baixo para proteger as camisas do desgaste e da transpiração, além de servir como proteção nos dias mais frios. Aqui em Portugal é realmente muito comum usar as camisetas assim até os dias de hoje!

Na década de 60 é que a camiseta ganhou popularidade principalmente no publico jovem. No meio de todas as rebeldias e da luta contra o que, até então, havia sido proposto como comportamento, os jovens decidiram que as camisetas não iriam mais se esconder embaixo de qualquer outro pedaço de tecido. Ela tinha que aparecer e dizer a todos que agora seria assim, não importando o que a sociedade pensasse, tornou-se um identificador ideológico.

Além disso, ela passou a ganhar valor com o logo bem grande das marcas e se transformou em símbolo de status.

Também na música ganhou destaque, principalmente para o rock, onde a camiseta surge como uma peça considerada muito mais que uma vestimenta, mas uma verdadeira bandeira cultural.

Isso mostra como tudo o que usamos tem um significado para o resto do mundo, ela expressa nossas opiniões, gostos pessoais e ideologias.

Estampa
As camisetas transmitem mais mensagens do que imaginamos, como vimos acima, por isso devemos tomar muito cuidado com as estampas. Algumas são bem explicitas em seus significados, outras são mais sutis. Eu tive uma experiência em relação a isso. Ganhei uma camiseta cheia de corujas de uma moça que estava começando sua confecção. Desde o inicio eu achava ela meio impactante, mas até usei algumas vezes, foi então que fui atrás do símbolo da coruja. A coruja é um animal que simboliza a sabedoria, a inteligência, o mistério, o misticismo. Por outro lado, essa ave de rapina noturna, pode simbolizar mau augúrio, azar, escuridão espiritual, morte, trevas e bruxaria.

Pode até parecer radical, mas porque vou usar algo que tem esse simbolismo se eu não acredito nisso e se as pessoas de fora que vão me ver com essa roupa vou ter outra impressão a meu respeito?

O Senhor não criou, a coruja por exemplo, com esse significado, mas o inimigo distorce todas as coisas. Quando as pessoas começam a fazer uso inadequado e aquilo vira um símbolo do que elas praticam nós devemos ficar longe disso, afinal nós somos separados por Deus. Se outras pessoas usam ou é porque elas acreditam naquilo, ou é por falta de luz.

Muita gente compra roupas com desenhos e frases e nem sabe o que aquilo simboliza. Principalmente as mulheres cristãs devem estar atentas a esse assunto! Sejam frases ou desenhos e até em acessórios, procure saber antes o que quer dizer, pois, mesmo que não seja a sua intenção, pode passar uma mensagem errada.

Não estou dizendo que você não pode usar, todos somos livres para escolher o que quisermos, o importante é deixar claro que existem consequências em tudo o que fazemos. Como cristãs nós devemos expressar a Deus, e se uma estampa contradiz o que eu acredito não vou usar só porque me parece bonita ou porque está na moda.

Alguns símbolos tem significados demoníacos, quer você concorde, quer não, minha função é só alerta-las. Não é só uma questão de usar ou não, mas de você considerar diante de Deus e saber o que Ele acha.

Alguns exemplos:
Olho que tudo vê: o olho que tudo vê, ou olho de Hórus (cultura egípcia), também pode ser conhecido como “olho de Lúcifer”. É muito usado na maçonaria, e na indústria Iluminatti. Na moda ele aparece com uma imagem repaginada, sem a pirâmide e com um olho mais simpático, minimalista e fashion, porém o significado é o mesmo.

Simbolo “Paz e Amor”: É uma cruz de cabeça para baixo, também chamada de “pé-de-galinha”. Simboliza a “verdadeira” paz sem Cristo. O círculo representa o inferno. Na década de 60 foi usada pelos hippies. É um símbolo usado também pelos satanistas. Afirmam que a haste quebrada para baixo representava a princípio a derrota do Cristianismo. Foi na idade média que esse símbolo passou a ter vínculo com satanás. Hoje é usado pelos grupos de rock, heavy metal, black metal e principalmente na moda.

Caveiras: Símbolo que representa a morte. Muito usado para religiões envolvendo feitiçarias e rituais de todos os tipos, principalmente no satanismo. Muitas vezes a caveira aparece de forma colorida e divertida, porém não deixa de ser um símbolo mórbido e sombrio.

Cruz: recentemente a cruz foi uma forte tendência na moda, porém ela apareceu de diversas formas, estampada, colorida, bordada e até mesmo de cabeça para baixo. 
A cruz invertida representa um dos símbolos satanistas medievais, uma vez que suas cerimônias estavam baseadas em dogmas contrários ao cristianismo. Desde então, muitas seitas satânicas utilizam a cruz como símbolo do anti-cristo, representando as forças do mal ou do diabo bem como a negação ao cristianismo.

Unicórnios: apesar de ser um símbolo mitológico o unicórnio também é fortemente usado em rituais místicos. Acredita-se que através dele pode haver conexão dos seres humanos com o reino dos espíritos da natureza. Todas as características deste ser possuem um significado espiritual, do chifre até a sua cor. Geralmente sua representação é muito usada no esoterismo.

E muitos outros como lua, estrela, outros animais tem símbolos místicos e de magia negra.

Por isso, sempre que for comprar algo com estampa, considere antes diante de Deus o porquê de você usa-la, afinal existe uma infinidade de possibilidades, procure outra que não ferirá seu testemunho e nem que abra portas para o inimigo.

Bom, dito isso, amanhã teremos o primeiro look com camiseta! Fiquem ligados aqui no blog para acompanhar todos os looks! Espero que gostem!

Bjs

“Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus.”  2 Timóteo 3:14-15

Nenhum comentário:

Postar um comentário