06 dezembro 2017

Conhecendo Portugal – Casa da Cerca em Almada

Esse é um daqueles lugares que eu não teria descoberto se não morasse nessa região. Se estiver visitando Lisboa, vale muito a pena vir para a Margem Sul e visitar a  Casa da Cerca. Também pode aproveitar a viagem e passar no Cristo Rei!

Instalado numa antiga quinta de recreio setecentista, teve vários proprietários e seus usos foram mudando com o tempo.

Desde 1993, a Casa da Cerca é um Centro de Arte Contemporânea que tem como objetivo a divulgação das artes plásticas é aberto ao público, sem nenhum custo.


São vários espaços expositivos que, separadamente ou articulados entre si, apresentam um programa regular de exposições individuais, coletivas ou temáticas.

Capela com azulejos portugueses .
 Recepção e sala de exposições

Para além das exposições que acontecem semestralmente, você pode apreciar a bela vista do Tejo com a Ponte 25 de Abril e a cidade de Lisboa ao fundo, e muitas plantas, flores e frutos!
Também pode experimentar um delicioso suco ou chocolate quente (dependendo da época do ano que você for) na Cafetaria Coisas Degostar!




 Daqui também visualizamos o elevador no miradouro Bocado Vento.


A parte do Jardim Botânico é a minha favorita! É dividido entre Estufa, Jardim dos Pigmentos, Pomar das Gomas, Jardim dos Pintores, Jardim dos Óleos, Jardim das Telas, Mata, Anfiteatro e Miradouro.

Cada área você encontra espécies botânicas que dão origem aos materiais que são utilizados na área das artes, como o papel, às tintas, etc. Muito interessante!

Estufa onde ficam algumas plantas que não são adaptadas ao clima atlântico-mediterrâneo. Aqui também há exposições temporárias que unem as artes e a natureza.
Essa exposição que visitei tinha como o tema os 5 sentidos convidando cada visitante a sentir o cheiro, o sabor, o som, o toque e a cor dos diferentes materiais.




 Todas as plantas tem uma plaquinha descritiva, é muito legal explorar!


Na área da Mata fica o anfiteatro com capacidade para 76 lugares sentados e recebe vários espetáculos ao ar livre, além de ter uma vista privilegiada do Tejo.


Outra área que gosto é o Jardim dos Leitores onde tem uma linda videira. Sempre como algumas uvas quando venho aqui, são deliciosas!

Sempre me lembro desse versículo e fica mais fácil entender porque o Senhor é comparado à videira. Ele é muito acessível a todos nós!

“Eu sou a videira; vocês são os ramos. Se alguém permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma.” João 15:5

Gostaram do passeio?
Ao longo do ano há várias atividades e oficinas, confira mais detalhes no site: Casa da Cerca

Nenhum comentário:

Postar um comentário